30 OUT - 08 NOV 2020

Batidão.jpg

BATIDÃO

2020 | São Luís - Maranhão

ENME

Enme é uma artista queer natural do Maranhão, cantora, compositora e rapper que traz os ritmos e tambores nordestinos na sua sonoridade. Iniciou sua carreira em 2014 e, desde então, atuou como produtora cultural, dj, performer dragqueen e rapper. Em 2017 lançou seu primeiro trabalho musical intitulada “Revis” e logo depois participou da faixa "Vilania" com Vinaa, no album "Bordel de Amianto". Enme também fundou o grupo "Queer", onde se apresentava com outros artistas LGBTS do Maranhão, dando início ao que seria a cena pop do Estado. O grupo foi aclamado pela revista Rolling Stone Brasil como “uma ode de diversidade que mostrou a força local e coesão nacional” quando se apresentou no Festival Br135 (2017). A apresentação surpreendeu como “um dos shows mais ovacionados pelo público” de acordo com a Revista NOIZE. No início de 2018, lançou o single "Sarrar" que recebeu a indicação de Música do Ano no Prêmio Eu Faço A Diferença. Ao longo do ano a artista se apresentou em grandes palcos como o “Pátio Aberto” da Centro Cultural Vale , “Festival das Rendas” na Raposa e no “Aldeia Sesc Guajajaras”, encerrando a programação do festival. Em 2019, Enme lançou o single "Juçara", um pagodão com referências aos dizeres populares do Maranhão. A música foi considerada o "hit de carnaval" pela Mtv Brasil e entrou no primeiro ep autoral de Enme intitulado "Pandú". O novo EP com seis faixas autorais ganhou destaque internacional com sua capa publicada na Vogue Italiana. Entre os destaques do album está a música "KILLA" com um videoclipe inspirado no reggae e é uma das tracks mais ouvidas de Enme nas plataformas digitais com mais de 70 mil reproduções. O vídeoclipe de "Killa" recebeu duas estatuetas no Festival de Cinema Maranhão na Tela, vencendo nas categorias "Melhor Performance de Videoclipe" e "Melhor Direção". Com mais de 170 mil reproduções só no Spotify, o ep "Pandú" reúne os tambores do nordeste e rimas sobre a vivência de uma Dragqueen periférica, sendo o material mais ouvido de Enme nas plataformas digitais. Em seguida, "Sarrar" aparece com mais de 80 mil reproduções e "Juçara" com 50 mil. Em turnê, Enme passou por Salvador-BA, Brasília-DF e São Paulo-SP, onde venceu o concurso de novos talentos do Festival Sons da Rua 2019 na Arena Corinthians.. Com o prêmio, Enme cantou ao lado de grandes artistas como Karol Conka, Rincon Sapiência, Djonga e Criolo, além de lançar o single prêmio "Batidão" com o produtor de hits Noize Men . O sucesso de "Batidão" veio também com o videoclipe dirigido por Jéssica Lauane e produção da ClockWork Filmes, mesma equipe premiada com as produções audiovisuais de Enme. No Carnaval de 2020, Enme mostrou seu trabalho pela primeira vez em Recife-PE e participou do maior bloco do rua do mundo. A convite do cantor Romero Ferro, Enme fez sua participação no renomado "Galo da Madrugada", puxando o trio ao lado de Pabllo Vittar. Director Statement

Enme.jpg

FICHA TÉCNICA

Jessica Lauane

DIREÇÃO

Direção: Jessica Lauane

Produção: Paula Beatriz e Walber Sousa

Fotografia: Edver Hazin

Montagem: Jonas Sakamoto

Arte: Mateus Motta